Uma “artista” Wojiech Kosma, que é conhecida por criar Intervençoes especulativas astéticas em público e galerias de arte. Ou seja, qualquer merda. Sua última intervenção foi a “blow Job”, onde ela literalmente pagava um “boquete” , “chupeta” , “broche”, “mamada”, “bóbó” (Portugal) ou o termo técnico, felação a um microfone, que então, emite ruídos. Eu ainda perco meu tempo postando isso aqui… Viva Picasso!

Reparem, a platéia esta sempre cheia e interessada nisso. Não fui só eu que perdi meu tempo.